Foto: Reprodução / Umarizal Completo

A suspensão da conta de água da população de Umarizal pelos meses que recebeu o produto com coloração escura está em análise junto a diretora da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), segundo informou nesta terça-feira, o engenheiro chefe regional da companhia, Anderson Araújo.

“A regional já está vendo essa situação junto a diretoria. Não vou dizer algo que seja realmente certo, mas o que acontece: a suspensão do faturamento na Caern ela só é viabilizada quando a água não tem condições nenhuma de ser distribuída de uma forma geral. A gente teria que parar o sistema. Se a gente parasse o movimento da população seria maior”, argumentou.

O engenheiro disse que a companhia não pode “embasar uma suspensão de faturamento em algumas situações pontuais. Sabemos que existiu o consumo”, disse.

Segundo Anderson, ações já estão sendo executadas para resolver o problema periodicamente. Uma delas tem previsão de término nesta quinta-feira, 06. “A gente está trabalhando num desvio do reservatório […] pra que a gente possa tirar a prova. Acredito que amanhã até o final do dia a gente esteja concluindo esse serviço e poderemos colocar água pra população sem passar pelos reservatórios”, prevê Anderson Araújo. “Estamos executando ações para que a água venha com qualidade e a população fique satisfeita”, complementou.

O serviço completo e a solução para o problema, segundo o engenheiro, só irá vir após a lavagem das caixas, o que deve ocorrer em até 15 dias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here