A Encanto do Nordeste encerrou neste último sábado, 21, o Ciclo Junino 2018 com evento de confraternização realizado na Casa de Cultura Popular Palácio do Gavião. O momento idealizado pela direção da junina foi de homenagens. Integrantes da comissão que compôs o projeto da junina este ano receberam comendas pelo trabalho realizado em prol da quadrilha.

Uma das grandes incentivadores da cultura umarizalense, a presidente da Encanto do Nordeste Aurélia Alencar foi uma das principais homenageadas. Além da comenda de Melhor Quadrilheira, ela recebeu o abraço e os agradecimentos de todos os integrantes do grupo junino.

A junina umarizalense se consolidou este ano como a maior do interior do Rio Grande do Norte depois de conquistar 8 festivais e conseguir a 4ª colocação no Mossoró Cidade Junina, maior festival de quadrilhas do Rio Grande do Norte. O grupo sagrou-se ainda vice-campeã na última apresentação do ano, em Governador Dix-Sept Rosado.

“Encerramos nosso tour 2018 com o coração cheio de alegria e gratidão. Gratidão a todos que abraçaram nosso projeto, que sonharam e realizaram junto com a gente. Foi um ano espetacular, cheio de parcerias que contribuíram com nosso sucesso”, escreveu o grupo nas redes sociais.

Os títulos deste ano também representaram outro recorde para a Encanto. Em 20 anos de trajetória e insistência no meio cultural junino, foi o ano com a maior quantidade de pódios, nove no total (8 vezes 1ª colocada e 1 vez vice-campeã). Somam-se aos troféus de melhor quadrilha, os prêmios individuais de Melhor Rainha, Melhor Casal de Noivos e Melhor Regional, conquistados em mais de um festival.

O tema que a Encanto do Nordeste levou às arenas do Estado este ano, ‘O Encontro do Corrupto com a Honestidade’, abordou questões políticas e protestou contra dezenas de problemas sociais que afligem os brasileiros. Além da figura do Corrupto e da Honestidade, também se tornaram personagens no espetáculo, a Esperança e a Justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here