Crianças de escola do bairro Caraíbas participam de palestra informativa sobre leishimaniose e arboviroses; Assistência Social e Saúde promoveram momento

0
74

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), em parceria com a Vigilância Sanitária e os agentes de endemias do município realizou nesta quarta-feira, 07, palestra com crianças da Escola Municipal Padre José Sauer, no bairro Caraíbas, sobre leishmaniose e as doenças transmitidas pelo mosquito aedes aegypti.

Segundo o coordenador do SCFV, Fabíolo Germano, o momento foi de repassar informação. “Sobre a leishmaniose visceral, nós fizemos um trabalho com panfletagem. Esse material contém informações com medidas de prevenção ao vetor, o mosquito palha. Também realizamos uma roda de conversa demonstrando para as crianças as situações em que as mesmas podem estar colaborando em suas casas, por exemplo, acompanhando se os animais estão com algum sintoma da doença, assim como ajudarem os pais informando sobre eventuais problemas no quintal de casa que podem estar contribuindo para que o mosquito transmissor do calazar, se instale ali na residência”, detalhou.

A atividade contou com a colaboração da coordenadora da Vigilância Sanitária, Raicia Oliveira e do coordenador dos agentes de endemias, Carlos Alberto. Fabíolo contou que os profissionais também conversaram com as crianças sobre as arboviroses: dengue, zika vírus e a febre chikungunya.

“Importante já que mesmo em período de seca, estão sendo identificados alguns casos em nosso município, o que nos redobra a atenção e os cuidados. Ao final das rodas de conversa, as crianças participaram de um jogo de perguntas e respostas sobre os temas trabalhados, com bastante interação e troca de saberes”, finalizou Fabíolo.