Foto: Léo Silva / O Umarizalense

O vereador Bazoca (PSB) participou nesta quinta-feira, 16, da audiência pública do projeto “Conexão Direta”, promovido pela Corregedoria do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (CGJ). O encontro aconteceu na Câmara Municipal de Umarizal e foi presidida pela corregedora geral de Justiça, desembargadora Zeneide Bezerra.

Em sua participação no evento, Bazoca destacou que o audiência é importante, pois proporciona a aproximação da população aos serviços ofertados pelo poder judiciário. “Muita gente ainda tem medo. Quando se fala em justiça a pessoa já fica receosa e o evento nos mostra que não é assim. Ele aproxima o cidadão do poder judiciário. Então é preciso quebrar esse tabu e este evento contribui muito com isso”, avalia o parlamentar.



O vereador também parabenizou o juiz Arthur Bernardo, que participou do evento, pelo trabalho que vem realizado em Umarizal desde o ano passado, quando assumiu a comarca de Umarizal. “Um trabalho brilhante, íntegro, imparcial e que contribuiu e muito com a tranquilidade que tivemos no último pleito eleitoral do nosso município”, finaliza.

O projeto “Conexão Direta” tem como meta ouvir a população, usuários da Justiça e operadores do Direito para discutir o aprimoramento das atividades do Poder Judiciário potiguar. A audiência pública é realizada na forma de reunião organizada, aberta a qualquer cidadão, para discussão de situações relacionadas ao aperfeiçoamento da gestão da justiça, como explica a desembargadora Zeneide Bezerra.

“A audiência pública é um meio democrático em que, por meio do dissenso entre os participantes, colhem-se opiniões, críticas, sugestões e informações acerca de temas de relevante interesse, além de ser elemento indispensável à compreensão da realidade social, aproveitada como subsídio para a elaboração de estratégias de ação”, avalia a corregedora geral de Justiça.



O ciclo de audiências públicas do projeto “Conexão Direta” teve início na região Oeste potiguar no dia 8 de março na comarca de Luís Gomes. No dia 9 a população de São Miguel foi ouvida no fórum local. Nesta sexta-feira, 17, Apodi recebeu o evento no Fórum Des. Newton Pinto.

O ciclo será encerrado no dia 20 de março, na comarca de Areia Branca, às 14h, no auditório da Câmara Municipal.